PUBLICIDADETutti Festa Topo

Vinte e oito pessoas são feitas reféns em assalto a loja em Lauro de Freitas

  • Em Bahia
  • 01-11-2018
  • Por Irecê Notícias
  • 228 Visualizações
img
Foto: Reprodução

A loja da Magazine Luiza, situada na Estrada do Coco, em Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), foi saqueada na tarde desta quinta-feira, 1º

Funcionários e clientes foram feitos reféns até policiais do Bope negociarem a rendição dos bandidos.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-BA), três homens foram presos ao tentar fugir com eletrodomésticos. Um outro integrante do bando permaneceu na loja. Adenilson Gomes da Silva, de 23 anos, Fábio Alves da Silva, 24, e o sergipano Wesley Bispo Alves, 33, foram detidos tentando deixar o local com um caminhão e um veículo com os itens retirados da loja.

O último suspeito, que mantinha outras sete pessoas reféns - após o primeiro grupo, com 21 vítimas, ter sido liberado -, se entregou por volta das 16h. Ele foi identificado como Antônio Jorge Peluso de Oliveira, 40.

De acordo com o major Fabrício de Oliveira, 28 pessoas ficaram reféns dos assaltantes por pelo menos 2h30. "Graças a Deus deu tudo certo. No início a situação foi complicada, mas depois eles começaram a liberar. Logo no início das negociações nos conseguimos liberar uma criança que estava entre as vítimas".

Ainda conforme o major, os assaltantes "colaboraram desde o início das negociações". "Eles pediram a presença da imprensa e de alguns familiares", afirmou. Para Fabrício de Oliveira, os assaltantes são dos bairros de Cajazeiras e Pau da Lima.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Joelson Reis, três bandidos saiam da loja com móveis quando a polícia chegou. "Quando nós chegamos aqui três deles estavam saindo da loja e "o que não conseguiu fugir" fez as 22 pessoas de refém.

Ele informou que o grupo estava armado com uma pistola e um revólver. O caso vai ser investigado pela 23ª DT.

Familiares em desespero 

Alguns familiares dos funcionários estavam na porta da Magazine. A agente de saúde Rita de Cassia foi econtrar a nora, Mariana de Menezes. "Fiquei desesperada quando vi na televisão, mas soube que ele já está bem. Foi um susto muito grande", disse ela.

Edson Santos, 33, estava viajando a trabalho, quando soube do ocorrido e foi ver a esposa que estava sendo feita de refém. Cintia Santos, 28, estava no local, e, de acordo com o marido, estava muito nervosa quando foi liberada.

Fonte: A Tarde