PUBLICIDADETutti Festa Topo

Presos por extorsão e porte ilegal de arma cobradores que usavam arma para intimidar devedores em Irecê

  • Em Irecê
  • 14-11-2018
  • Por Irecê Notícias
  • 487 Visualizações
img
Foto: Reprodução

Segundo delegado, cobradores contratados por empresários usam armas para intimidar e extorquir devedores

Nesta terça-feira (13), após investigações, a Polícia Civil prendeu duas pessoas envolvidas no esquema de cobranças com ameaças contratadas por alguns empresários da cidade de Irecê.  As cobranças eram realizadas com ameaças aos seus devedores, utilizando arma de fogo, buscando assim meios ilegais e imorais para receberem as suas dívidas. 

A polícia cumpriu mandato de prisão preventiva em desfavor de Francisco José da Silva. Ele trabalhava há anos como cobrador e costumava usar uma pistola, calibre .380, para ameaçar as pessoas e efetuar cobranças, cometendo o crime de Extorsão Armada, com pena de 04 a 10 anos de prisão, relata um boletim expedido pelo delegado Ernandes Júnior.

“Francisco, juntamente com outros indivíduos, são comumente contratados para servirem de “capangas” e realizarem cobranças, de posse de arma de fogo, a terceiros”, explica o delegado no Boletim.

Em depoimento, Francisco disse que sua arma estava com seu amigo de prenome Manoel, conhecido por Nenem. Os policiais foram até a casa de Manoel e lá, encontraram 02 pistolas calibre .380; 01 pistola de ar comprimido; 165 munições; 35 cartuchos intactos; 02 carregadores de .40 e 01 carregador de .380.

Francisco responderá pelo crime de Extorsão Armada e posse ilegal de arma de fogo. Manoel responderá pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.

“Por fim, friso que o crime em comento está sendo combatido e todas as pessoas que forem vítimas de tais cobranças (extorsão armada) devem procurar a Delegacia de Polícia e denunciá-las”, comunica Ernandes Júnior.

Fonte: Delegado Ernandes Júnior