Mulher é presa por se recusar a devolver R$ 6,8 milhões depositados por engano em sua conta

A mulher, que foi acusada de fraude bancária e transmissão ilegal de fundos monetários, recebeu acidentalmente o valor de uma corporação de serviços financeiros

Kelyn Spadoni, de 33 anos e moradora de Nova Orleans (EUA), foi presa na última quarta-feira (7) por se recusar a devolver US$ 1,2 milhões, cerca de R$ 6,8 milhões, que haviam sido depositados em sua conta por engano.

A mulher, que foi acusada de fraude bancária e transmissão ilegal de fundos monetários, recebeu acidentalmente o valor de uma corporação de serviços financeiros.

Kelyn teria, segundo autoridade locais, imediatamente transferido o dinheiro para outra conta bancária e gastado boa parte da quantia com um carro novo e uma casa nova. Por isso, quando o banco percebeu o erro e tentou reclamar o valor, teve a solicitação rejeitada, já que o dinheiro não estava mais na conta.

Fonte: Jornal de Brasília