PUBLICIDADE

Irecê marca presença em reunião da Unipi

  • Em Cidades
  • 04-04-2019
  • Por Irecê Notícias
  • 341 Visualizações
img
Foto: Reprodução

O prefeito Elmo Vaz participou de uma reunião da União das Prefeituras do Platô de Irecê (Unipi) na manhã dessa terça-feira (02/04), no Centro de Convenções do Hotel Copa 70. O evento contou com a presença do presidente da União dos Municípios da Bahia (UPB), Eures Ribeiro, além dos prefeitos da região.

Além de Elmo Vaz estavam presentes a Prefeita de América Dourada, e presidente da Unipi, Rose Dourado e cerca de 20 Prefeitos da Macrorregião de Irecê.

Durante o encontro aconteceram palestras voltadas para temas como educação, saúde, e administração municipal. “Foi uma oportunidade de promover um ciclo de conversas entre o prefeitos, para compartilharmos experiências e discutirmos as necessidades dos municípios, sempre buscando soluções criativas para as demandas”, destacou Elmo Vaz.

O Prefeito de Tapiramutá Djalma Jú apresentou um projeto inovador sobre citricultura, o gestor da Coelba Centro/Norte, Leonardo Ribeiro explanou sobre isenção de impostos e sobre o projeto Luz para Todos, e as representantes da Undime, a Secretária de Educação de América Dourada Acácia Barbosa, e a Avaliadora do MEC Izabel, apresentaram números importantes sobre gestão financeira na Educação, inclusive mostrando os avanços da Prefeitura de América, que diminuiu muito a despesa da pasta, sem comprometer a qualidade da educação.


Para a prefeita Rose, este encontro foi uma oportunidade importante para mostrar os principais problemas dos municípios " O evento foi muito proveitoso. América Dourada esteve presente com secretários, vereadores e equipe técnica, e todos participaram de discussões relevantes para a gestão municipal. Foi um dia de muito aprendizado", avalia.

O presidente Eures Ribeiro reforçou a necessidade de todos os prefeitos da Bahia se fazerem presentes na marcha dos prefeitos em Brasília, na próxima semana. “Será uma oportunidade de mostrarmos nossa força, nossa união e trazer de Brasília solução para os nossos problemas. A conta não pode continuar caindo somente nas costas dos municípios”, enfatizou.