Foragido da justiça por homicídio e tiroteio morre após confronto com a polícia em Irecê

Foragido da justiça por homicídio e tiroteio morre após confronto com a polícia em Irecê

Em operação deflagrada na manhã dessa sexta-feira, 22, a Delegacia Territorial de Irecê (DTE), a Superintendência de Inteligência (SI) e a Delegacia de Morro do Chapéu localizaram Bruno Cigano, foragido com envolvimento na confusão que terminou com tiroteio em um bar e churrascaria.

O crime foi praticado no dia 11 de setembro do ano passado, na Avenida 1º de Janeiro, Irecê.


Bruno Cigano, estava escondido em uma casa no bairro Copirecê, no momento do cumprimento do mandado de prisão, Bruno fez diversos disparos contra os policias, que revidaram. O foragido foi baleado e socorrido ao Hospital Regional, onde teve o óbito confirmado pelo médico plantonista.

A investigação para localizar o paradeiro e prender Bruno estava em curso desde a data do tiroteio e era realizada pela Polícia Civil de Irecê e a Superintendência de Inteligência (SI).


Bruno Cigano respondia a diversos homicídios na região de Irecê, indiciado em diversos crimes contra a vida nas cidades de Ibititá, Irecê, Iraquara, América Dourada e Ibotirama.

Com informações do Irecê Reporter e DTI