Fiocruz deve fabricar vacina para 130 milhões de brasileiros em 2021

Fiocruz deve fabricar vacina para 130 milhões de brasileiros em 2021

Fundação tem um acordo de transferência de tecnologia para produzir em solo brasileiro as vacinas da AstraZeneca/Oxford

A Fiocruz prevê vacinar 65 milhões de pessoas no primeiro semestre de 2021 e outras 65 milhões no segundo, considerando o esquema vacinal de maior eficácia divulgado pela Universidade de Oxford. As informações são do G1. 

"Nós estaríamos prevendo no primeiro semestre termos 100 milhões de doses para oferecermos 2 doses para 50 milhões de cidadãos no Brasil, e vamos poder chegar já no primeiro semestre a duas doses e 65 milhões de brasileiros. E no segundo semestre, com a produção 100% nacional da vacina na Fundação Oswaldo Cruz, chegaremos a outros 65 milhões, então o total de 130 milhões de brasileiros [que poderão ser vacinados]", disse o vice-presidente de produção e inovação em saúde da fundação, Marco Krieger, em entrevista à GloboNews.

A Fiocruz tem um acordo de transferência de tecnologia com a AstraZeneca, farmacêutica que desenvolve uma vacina em parceria com a Universidade de Oxford, que mostrou eficácia de até 90% conforme a dosagem, para a produção das vacinas em solo brasileiro.

Por Geovana Oliveira\Metro1