EXCLUSIVO: Dez prefeitos da região de Irecê não podem disputar a reeleição em 2024

Dez dos vinte prefeitos da região de Irecê estão no final do seu segundo mandato e, por isso, não estão elegíveis para a reeleição. Isso resultará em uma renovação de pelo menos 50% nos municípios, que terão um novo administrador a partir de janeiro de 2025.

O cenário político das eleições municipais em diversas cidades da região de Irecê se desenha como um tabuleiro eleitoral desafiador. Com exatamente dez prefeitos buscando a reeleição e outros dez a procura de sucessores, a dinâmica política promete ser não apenas intensa, mas também estratégica.

Entre os postulantes à reeleição, figuram nomes conhecidos, como Adãozinho, prefeito de Itaguaçu (PSD), Edimário Boaventura, prefeito de Mulungu do Morro (PSB), e José Wilker, prefeito de Central (PT). O grupo inclui ainda Nilvinha Barreto, prefeita de Ibititá (PSD), Tacinho Mendes, prefeito de Jussara (PP), Di Cardoso, prefeito de João Dourado (PL), Joelson Cardoso, prefeito de América Dourada (PL), Márcio Messias, prefeito de Lapão (PSD), Robertão, prefeito de Presidente Dutra (MDB), e Tonho de Napo, prefeito de Barra do Mendes (PDT).

No outro lado do tabuleiro eleitoral, os prefeitos que estão concluindo seus mandatos enfrentam um desafio crucial: a escolha de seus sucessores políticos. Entre eles estão Elmo Vaz, prefeito de Irecê (PSB), Reinaldinho, prefeito de Xique-Xqiue (MDB), Ascir Leite, prefeito de Ipupiara (PP), Demóstenes de Souza, prefeito de Ibipeba (PSD), e Hipólito Rodrigues, prefeito de São Gabriel (Avante).

Além deles, Sueli Novais, prefeita de Cafarnaum (PL), Birinha Levi, prefeito de Uibaí (PDT), Orlando Amorim, prefeito de Barro Alto (PL), Robério Cunha, prefeito de Gentio do Ouro (PDT), e Zeni Alves, prefeito de Canarana (PL), precisam liderar a corrida pela sucessão em seus respectivos municípios. Essa corrida pode definir o futuro político dessas localidades.

 

 

Conforme as campanhas eleitorais avançam, a população observa com grande expectativa o desenrolar deste complexo jogo político. Cada eleição municipal carrega consigo a esperança de renovação e a expectativa de projetos que atendam às demandas da comunidade. Resta agora acompanhar como este xadrez eleitoral se desdobrará, influenciando o futuro de cada município envolvido nesse fascinante jogo político.

Siga o portal no Instagram em @irecenoticias

Fonte: Rede Independente de Notícias