PUBLICIDADE Siga-nos no Instagram

Agricultura irrigada gera disputa por água na Bahia

  • Em Bahia
  • 10-01-2020
  • Por Irecê Notícias
img
Foto: Reprodução

O Ministério Público da Bahia tenta impedir novas licenças à captação de água no aquífero Urucuia, responsável pela irrigação de cidades baianas

O aquífero Urucuia, um dos maiores do país, é grande responsável pela irrigação da cidade Barreiras e Luís Eduardo Magalhães, que são o epicentro da fronteira agrícola do Matopiba, região que engloba Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. O Ministério Público da Bahia tenta impedir novas licenças à captação de água para irrigação enquanto não houver planejamento sobre o uso e seus impactos nos rios da região. 

O Urucuia se estende por uma área de 125 mil quilômetros quadrados em cinco estados brasileiros e é fundamental para manter a perenidade do maior rio nordestino. Hoje o aquífero é foco das atenções de autoridades diante do risco de impactos no rio São Francisco.

O Ministério Público recomendou a suspensão das licenças pela primeira vez em 2015, alegando a necessidade de um plano de gestão para indicar quais os níveis seguros de retirada de água. Desde então vem tentando barrar todos os processos no Inema (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos).

Fonte: Luciana Freire/Metro1